• Acessar Portal UEFS

Curiosidades



Foto da primeira Juiza do Brasil

PRIMEIRA JUÍZA DO BRASIL


Thereza Grisólia Tang, nascida em São Luiz Gonzaga, no interior do Rio Grande do Sul, prestou concurso para a magistratura catarinense, e em 1954 foi nomeada juíza substituta da 12ª circunscrição judiciária, com sede em Criciúma. Foi a primeira mulher a tornar-se juíza no Brasil, ingressando na magistratura de Santa Catarina em 1954. Nesta condição, única mulher no Judiciário estadual, manteve-se por quase 20 anos, pois a segunda juíza do estado viria a ser nomeada apenas em 28 de maio de 1973.
Morreu aos 87 anos, em Florianópolis.






Maria da Penha

PRECURSORA DA LEI MARIA DA PENHA

Maria da Penha Maia Fernandes ficou conhecida por conta da lei que leva o seu nome. Depois de sobreviver a duas tentativas de assassinato por parte do seu marido, a cearense percorreu um caminho de 20 anos na justiça tentando fazer com que seu agressor fosse punido, tendo o seu caso registrado como o primeiro de agressão doméstica no país.






Maria Quitéria

MARIA QUITÉRIA

Maria Quitéria foi a primeira mulher a assentar praça em uma unidade militar. Disfarçada de homem, ela apresentava-se como soldado Medeiros e, desta forma, conseguiu ser uma heroína na Independência do Brasil.






Dandara desfiou o sistema escravagista

DANDARA

Dandara juntou-se ainda menina ao grupo de negros que desafiaram o sistema escravagista por quase um século no Quilombo dos Palmares. Casada com Zumbi, valorizava muito a liberdade, era contra acordos com o governo e se matou quando capturada.
Dandara participava ativamente da elaboração das estratégias de resistência e foi figura central na defesa do quilombo.




Nisia Floresta Augusta

NISIA FLORESTA AUGUSTA

Nísia foi a primeira mulher brasileira a defender publicamente a emancipação feminina. Além disso, lutou pela alfabetização das meninas e fundou uma escola inovadora, no Rio de Janeiro, sendo um marco na educação feminina no Brasil.








Recomendar esta página via e-mail: