• Acessar Portal UEFS

Notícias

06/03/2018 14:03

Coletivo de Mulheres desenvolve ações há 11 anos em Feira de Santana

Promovendo a defesa, elevação e manutenção da qualidade de vida do ser humano e em especial da mulher, o Coletivo de Mulheres de Feira de Santana (Comu) desenvolve atividades de educação profissional, especial e ambiental. Aberta à comunidade, a entidade é formada por quem se interessa ou se identifica com a finalidade, conforme explica a presidente Ana Rita da Costa Oliveira.

Os serviços prestados pelo Comu desde a criação, em 2007, envolve ações como o acolhimento de vítimas de violência e o encaminhamento às autoridades competentes, com o devido acompanhamento. Também são desenvolvidas ações de incentivo às mulheres, visando condições dignas de vida, que atendam a multiplicidade das identidades das mulheres (negras, brancas, indígenas, mulheres com deficiência), de comunidades tradicionais e de diferentes faixas etárias.

Sobre as políticas voltadas às mulheres, Ana Rita Oliveira avalia que houve avanços, mas questiona a centralização de equipamentos da parte de administrações públicas. Mesmo assim, "nos esforçamos em articular as ações sociopolíticas da mulher, incorporando as dimensões de classe, gênero, etnia, raça, geração, orientação sexual e identidade de gênero, de mulheres com deficiência, rurais e urbanas".

Dentre as ações do Comu estão a união por moradia popular, o fomento de núcleos de gênero em sindicatos, bairros, associações, escolas, universidades, faculdades, comunidades e instituições religiosas, além de ativismo em datas importantes como o 8 de março, o Dia Internacional da Mulher, pelo fim da violência contra a mulher.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.